Ir direto para o Conteúdo

Beto Colombo

Artigos

Homo Homini Lupus

Deixe um comentário
Homo Homini Lupus

Querido leitor, que você esteja bem. Algumas pessoas afirmam categoricamente que o homem é mau por natureza. O que você pensa sobre isso?

Thomas Hobbes, filósofo inglês, popularizou um dizer de Plauto: “Homo homini lupus”. Traduzindo para o português, “o homem é o lobo do homem”. Afirmava ele ser o egoísmo o mais básico comportamento humano.

Hobbes acreditava que o homem, ao agir com maldade, transformava-se em um ser agressivo, violento e cruel com seu semelhante, praticando os mais bárbaros crimes. A solução, para ele, é privar o homem de certas liberdades, sendo essa a melhor forma de manter a ordem e a paz. Do contrário, seria uma guerra de todos contra todos.

Bem diferente de Hobbes, que afirmava que o homem é por natureza mau, Rousseau acreditava que “o homem é por natureza bom”, afirmava que a sociedade  é a única responsável de corrompê-lo e encaminhá-lo a seus desvios de personalidade.

Muitos filósofos dedicaram suas vidas a pesquisar e conceituar o homem. Há aqueles que disseram que o homem é um animal dotado de razão, outros já os conceituaram como um bárbaro que destrói o ambiente em que vive.  Algumas pessoas, ao se relacionarem com outras pessoas, já vão classificando-as como boa, má, otimista, pessimista, inteligente, ignorante, avarento e assim por diante. Será que podemos conceituar o homem? Será que podemos nós classificar, descrever, e com isso ter uma previsibilidade sobre o homem?

Parece-me, por ora, que enquanto perdemos nosso tempo tentando enquadrar nosso próximo, mais distante dele ficamos.

Para aqueles que acham que podem conceituar o outro, que tal tentar então conceituar a si mesmo, descrever-se, classificar-se e prever seus próprios comportamentos? É possível?

Queridos leitores, por ora, concluo que cada ser é único e não cabe a nós conceituá-lo. Por mais tempo e conhecimento que tenhamos, não é possível conceituar um ser humano, quem dirá conceituar os seres humanos. Muitos filósofos, muitas correntes filosóficas tentaram conceituar o ser homem, muitos acharam ter conseguido completar tal tarefa. Mas, ainda hoje, não é possível conceituar adequadamente o ser humano, quiçá um dia.

Há pais tentando conceituar seus filhos e filhas, e ao fazer isso, o que estão conseguindo é o afastamento. Para mim, quanto mais forte for o conceito ou o pré-conceito, menos se verá o ser. E, enquanto perdemos nosso tempo tentando conceituar nossos filhos, deixamos de ama-los.

Lembrando que isso é assim para mim hoje.
_________________________________
Artigo veiculado na Rádio Som Maior FM no dia 06/12/2013

Voltar para Café com Mistura

Deixe um comentário

Anjo Tintas e Solventes

Beto Colombo ©. Todos os direitos reservados

Desenvolvimento Burn web.studio
Carregando Dados...